//
você está lendo...
Todos os Posts

Vale quer superar australianos

O minério com teor de 62% de ferro está chegando à China a 56,62 dólares a tonelada, uma elevação de 4,8% a tonelada sobre o preço que era praticado duas semanas atrás. Para levar o minério de Carajás até o porto de Qingdao, a Vale gasta no transporte 32 dólares por tonelada.

Sobram US$ 24 toneladas para suportar as demais despesas, desde a extração até os custos administrativos e financeiros, estes mais pesados nos últimos anos.

Mesmo assim, o presidente da companhia, Murilo Ferreira, considera possível que a mineradora brasileira ultrapasse suas duas competidoras australianas, a Rio Tinto Zinc e a BHP Billiton, muito mais próximas da China, tornando-se a maior fornecedora da commodity aos chineses.

Sua estratégia é firmar acordos com os armadores do país asiático e montar um controle de distribuição na China. Assim, acha que pode incrementar em quase 40% as vendas. Fazendo-as passar dos atuais180 milhões para 250 milhões de toneladas.

Certamente não será por mera coincidência que o Yangzijiang Shipbuild Holdings, maior estaleiro privado da China, ganhou um contrato no valor de US$ 510 milhões para construir seis navios tipo Valemax, com capacidade de até 400 mil toneladas. A encomenda é da ICBC Leasing, empresa que fechou contrato de afretamento para transportar 16 milhões de toneladas de minério de ferro por ano para a Vale, a partir de 2018.

Outro ponto importante para a meta de ultrapassar as mineradoras australianas é a redução no custo do transporte do minério, que a Vale pretende reduzir para US$ 30 ainda neste semestre e baixar ainda mais até o final do ano. Também espera diminuir para US$ 10 por tonelada ou até menos o custo da extração do minério em Carajás, no Pará.

Para segurar o cliente estratégico, a mineradora brasileira vai cortar cada vez mais no osso. Qual o limite do suportável?

Anúncios

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: