//
arquivos

Arquivo para

Siderúrgica de Marabá

No primeiro mandato de Almir Gabriel como governador, que começou em 1995, a ainda estatal Companhia Vale do Rio Doce se dispôs a patrocinar um estudo sobre as alternativas de desenvolvimento do Estado. O levantamento seria comandado por ninguém menos do que Eliezer Batista, ex-presidente da empresa, ex-ministro e um dos notáveis da república. O … Continuar lendo

Vale reduz investimento

Parece que os últimos acontecimentos estão embaralhando o planejamento de longo prazo da Vale. No mês passado,, a mineradora anunciou, em Nova York, que vai reduzir em dois bilhões de dólares (quase oito bilhões de reais) os seus investimentos no próximo ano: de R$ 8,2 bilhões, eles ficarão em US$ 6,2 bilhões, dos quais US$ … Continuar lendo

Carajás Sul é a meta

Dos 7,6 bilhões de dólares que planeja investir em 2016, a Vale vai aplicar US$ 13 bilhões no projeto S11D, que implantará uma nova mina na serra sul de Carajás, que adicionará 90 milhões de toneladas à atual capacidade de produção da província, de 130 milhões de toneladas. Até o final do ano, a nova … Continuar lendo

Os desastres minerais

O primeiro dos grandes projetos do novo ciclo da mineração na Amazônia, iniciado pela Icomi no Amapá, nos anos 1950, entrou em operação em 1979, no vale do Trombetas, em Oriximiná, no Pará. Era originalmente de propriedade exclusiva da multinacional canadense Alcoa, uma das seis irmãs do cartel mundial do alumínio. A Alcan descobriu as … Continuar lendo

A culpa pela tragédia

Agora é o momento de colocar as lupas da ciência sobre o desastre de Mariana. Assim haverá boa contribuição para avaliar os danos, calcular os valores indenizatórios, preparar um plano de ação para toda a área atingida pelo vazamento dos rejeitos de minério de ferro e tomar esse exemplo como parâmetro de ação para todo … Continuar lendo