//
você está lendo...
Todos os Posts

Carajás é a opção

No fim de semana a Vale fez um anúncio interpretado pelo mercado como uma redução em quase 10% da sua produção prevista para este ano, de 340 milhões de toneladas de minério de ferro. Ontem, a mineradora explicou que o que pretende, na verdade, é substituir a produção de minério de ferro de alto custo, mantendo, porém, sua meta.

O que vai acontecer é que 30 milhões de toneladas extraídas de minas no sul e sudeste do país a um custo mais elevado serão desativadas. Mas minas de custo inferior suprirão essa redução, mantendo a escala pretendida para 2015 e os mais de 450 milhões de toneladas para 2018.

De onde virá esse minério mais competitivo? De Carajás, no Pará, é claro. Sobretudo, das jazidas ao sul daquelas que começaram a ser lavradas na metade da década de 1980, e que entrarão em operação a partir do próximo ano. Quando estiver completamente implantado, em 2019, ao custo final de 19 bilhões de dólares (em torno de 60 bilhões de reais de hoje), o S11D estará produzindo 90 milhões de toneladas e Carajás como um todo chegará a 230 milhões, mais da metade de toda a produção da Vale.

O deslocamento do principal eixo econômico da antiga estatal para o norte será a tendência inevitável. Carajás coloca no porto de embarque da Ponta da Madeira, em São Luiz do Maranhão, a tonelada do minério a 19/21 dólares. É o bastante para permitir uma operação lucrativa mesmo no preço atual, o menor dos últimos anos, abaixo de 50 dólares a tonelada, com projeção de queda.

Será o fim das pequenas mineradoras e das minas com minério pobre ou médio. Será a reafirmação de Carajás. Mas com vantagens para os paraenses?

Anúncios

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: