//
arquivos

Arquivo para

Pará: província energética

(Este artigo, escrito no início da crise de abastecimento de energia de 2001, talvez ajude a compreender e se situar na nova crise que começa neste 2014)   O Pará é o quinto maior produtor e o terceiro maior exportador de energia do Brasil, superado apenas pelo Paraná e Minas Gerais. Por causa do Pará, … Continuar lendo

Um ciclo ainda em aberto

(Texto escrito em novembro de 2001)   O Pará está iniciando o quarto ciclo da mineração, que pode lhe permitir deslocar Minas Gerais da secular posição de maior Estado minerador do Brasil. Depois dos ciclos do alumínio, do minério de ferro e do caulim, todos com destaques mundiais, agora é a vez do cobre. Na … Continuar lendo

Confronto com a mineração

(Texto de 2006)   Duas novas minerações estão provocando polêmicas atualmente no Pará. Elas visam o mesmo produto, a bauxita, o minério do alumínio. São idênticas as suas escalas iniciais de produção, de 6 milhões de toneladas ao ano, podendo atingir 10 milhões se toneladas com novos depósitos, já em pesquisa. Quando chegarem a esse … Continuar lendo

A cobiça pelos dividendos

A antiga Companhia Vale do Rio Doce anunciou no meio desta semana que a sua diretoria executiva vai propor ao conselho de administração o pagamento da segunda parcela de remuneração mínima aos acionistas em 2014, no valor de 2,1 bilhões de dólares (o equivalente a mais de cinco bilhões de reais pelo câmbio do dia, … Continuar lendo

Silêncio pesado, trem veloz

Escrevo este blog sem esperar retorno do leitor, embora este seja o meu maior prêmio. Com elogios e, principalmente, com críticas. Mas também com motivação para dar consequência às informações que lhe são fornecidas. Às vezes o silêncio dói. Não propriamente por significar a irrelevância da matéria ou sua má qualidade. Mas pela indiferença do … Continuar lendo